sexta-feira, 1 de março de 2013

Capitulo 24

(Observação da autora no dia 18/09/2018 - Corrigi possíveis erros ortográficos deste projeto chamado "A Escola do Terror III". Já é possível relê-lo de forma mais adequada. Não alterei nada no enredo, porque é apenas a versão blogue. A versão em livro encontra-se na página "Livros" ).


A Patrícia, irmã da Mafalda, ficou com um mau pressentimento e decidiu ligar ao Gonçalo. O Gonçalo não atendeu a chamada dela, por medo que o grupo de assassinos fosse descoberto.
O grupo de assassinos chegou à garagem e viu a Mafalda no chão a sangrar e a Juliana com um ferimento no braço. Ao fundo, duas pessoas com máscaras na cara seguiam com o olhar o grupo a entrar. Eram mulheres, pois os cabelos compridos denunciavam.
O Gonçalo, ao ver tudo aquilo, irritou-se.
 Quem são vocês?
A mais alta respondeu.
 Não vais descobrir, Gonçalo.
O Gonçalo espantou-se.
 Como sabem o meu nome?
A mais alta respondeu de novo. Parecia ser a chefe.
 Nós sabemos tudo sobre ti, aliás sobre todos os membros do vosso grupo de assassinos.
A outra completou a frase da colega.
 Estranho é que vocês, como assassinos, não nos tenham já matado.
 Podemos muito bem fazer isso quando quisermos. – Disse o Ricardo.
 Tu? Que só matas professores para vingança à tua amiguinha Juliana?
O Gonçalo e os outros membros do grupo, excluindo o Bernardo e a Diana, olharam para o Ricardo, admirados. A Diana e o Bernardo olharam um para o outro. O Ricardo baixou a cabeça.
 Vocês não podem fazer isto! Quem pensam que são ao fazerem isto? – Disse o Gonçalo.
As raparigas andaram dois passos para a frente. A mais alta disse:
 Não nos desafies, Gonçalo, nós sabemos tudo sobre vocês, não queiram que nós digamos tudo o que sabemos. Quanto à tua pergunta, nós queremos acabar com o vosso grupo ridículo.
 Foram vocês as culpadas pelo desaparecimento da Mafalda? – Perguntou o Gonçalo.
 Sim, fomos. – Respondeu a mais baixa – Essa desmiolada não tem perfil para chefe. Essa que está aí ao vosso lado, a Márcia, essa sim tem perfil para isso.
 Eu?
 A Márcia não tem perfil, nem nunca vai ter, ela é mais desmiolada que a Mafalda. – Disse a Diana.
A mais alta tirou uma faca que estava no bolso das suas calças e apontou para a Diana.
 Está calada!
A Diana exaltou-se.
 Mas vocês pensam que são o quê? Salvadoras da pátria? Vão embora!
O Gonçalo pediu calma à Diana. A mais baixa pegou também numa faca que levou consigo até à Juliana e à Mafalda que estavam no chão, quase inanimadas. Pegou num perfume intenso e acordou as duas membros do grupo de assassinos. As atenções do grupo foram para as duas raparigas e para a rapariga baixa que estava ainda com a faca na mão.
 Querem-na? – Perguntou a rapariga, apontando para a Juliana.


Fim do Capítulo 24.

19 comentários:

  1. Está fixe!
    Estás a gozar?Não vais matá-las certo?

    ResponderEliminar
  2. Adorei.
    Posta logo.

    Beijos,
    natasha Alyosha.

    ResponderEliminar
  3. Está fixe!As duas vão morrer isso já está certo.

    ResponderEliminar
  4. Adorei o capitulo.
    Posta logo.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. Não vais matar a Juliana nem a Mafalda pois não? Por favor não Diana.Seja boa pessoa né?
    Posta logo. Estou curiosa.

    Beijos,
    Juh :)

    ResponderEliminar
  6. posta logo.estou curiosa.

    ResponderEliminar
  7. O.o a cada capítulo que passa a ansiedade domina,meu Deus,ficou sensasional(não vale constar o tempo que fiquei sem comentar)
    mais está cada vez mais perfeito!
    posta logo!

    ResponderEliminar
  8. adorámos!
    coitadas.elas nao vao morrer pois nao?

    ResponderEliminar
  9. está incrível!

    simplegirllo.blogspot.com
    divulga?
    obrigada desde já!
    beijos

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário, a sua opinião é importante para o escritor.