segunda-feira, 6 de abril de 2015

Capítulo 12 - A Voz

(Observação da autora no dia 05/10/2018 - Corrigi possíveis erros ortográficos deste projeto chamado "Memórias Aterradoras". Já é possível relê-lo de forma mais adequada. Não sei se será lançado em livro algum dia, mas não alterei qualquer palavra ou enredo, apenas erros).

Capítulo 12 - A Voz

– Tu e a tua tia eram muito próximos? – Perguntou Monalisa, de mão dada com João Paulo.
– Muito, na verdade. Custou-me um pouco a morte dela, mas... ela tinha matado alguém, não era?
– Pois. Eu entendo.
– Bem... eu queria ir ver como estavam as coisas por lá com o Bruno e o César.
Ela colocou a mão na testa.
– Esqueci-me de dizer ao Luís que já te tinha encontrado.
– Eu vou ter com ele, eles devem estar lá. – Disse ele.
– Não, eu vou à procura dele e tu ficas aqui.
– Não, de maneira nenhuma. Depois vou ter que ir à tua procura outra vez. Fica aqui que eu já vou ter contigo. – Disse ele, afastando-se.
Ela ficou ali, sozinha, em pé... e a ouvir o seu nome vindo de uma voz feminina.
– Sai da minha cabeça! – Gritou ela.

"Tens que me ajudar! Preciso de ti ou morres!"

– Não quero saber!

"Deverias saber! É do teu futuro que estás a falar"

– Sai da minha cabeça! – Disse ela, a chorar e a sentar-se no chão.

Entretanto, todos estavam reunidos numa outra sala a jogar a mais um jogo.
– Porque te ris? – Perguntou a Luísa.
– Porque são todos uns idiotas. – Respondeu o César.
A Cátia mudou de assunto.
– Vocês viram a Raquel? Já há algum tempo que não a vejo.
– Não te preocupes. De certeza que está com alguém. – Respondeu a amiga, bebendo um pouco de cerveja.
O César bebeu um pouco de cerveja e chamou o amigo.
– Bruno! Amo-te!
– O que é que disseste?! – Disse o amigo – Não sou homossexual, amigo! Lamento. Isso é de tanto beberes!
Todos se riram, incluindo o César.

– Eu vi a tua tia, João! – Falou a Monalisa, assim que o João voltou a ir ter com ela.
– Mas isso é impossível! Ela não está viva! Ela morreu! – Exclamou ele, também transtornado.
– Ela está aqui. – Afirmou ela.
– Não! Pára de ver coisas! Pára de tentar iludir-me. Ela está morta! Pensa que ela está morta e deixa de te tentares massacrar. Ela morreu! O teu marido morreu. Estão mortos. Os dois. Queres ir embora? É isso?
– Não, não quero! – Disse ela, a chorar.
– Então tenta pensar noutra coisa. Vamos ter com eles e passar o resto da noite a divertirmo-nos.
Ela apenas afirmou com a cabeça.


Fim do Capítulo 12.

23 comentários:

  1. Eu não consigo entender o mistério, digo e repito.
    Resta-me esperar.

    ResponderEliminar
  2. mistério dificil de resolver!

    ResponderEliminar
  3. Analisar o teu capítulo 12 dessa história, acho que já resolvi o mistério.
    Estamos todos a esquecermo-nos do João Paulo. Ele deve ser o assassino desta história.
    O Simão morreu, onde estava o João Paulo? Em lado nenhum.
    A Raquel morreu, onde estava a João Paulo? Em lado nenhum.
    A Beatrice, a tia dele, morreu na clinica psiquiátrica, onde estava a João Paulo? Em lado nenhum.
    Eu acho que o João Paulo matou a própria tia e a Monalisa está a sofrer na pele após o marido ter morrido.
    Conclusão: Descobri o assassino da história! A mim já não me enganas. Só fico à espera do final da história.

    ResponderEliminar
  4. tá lindo.
    posta logo.

    beijos,
    Natasha Alyosha.

    ResponderEliminar
  5. Tal como o Rui, andava a pensar no João Paulo também. Todos os suspeitos eram o velho e a Monalisa. A Monalisa em dois capítulos já se viu que era uma vitima e o velho parece ser muito fácil. O João Paulo parece ser o mais acertado.
    Fico pelo João Paulo.
    Os corpos do Simão e da Raquel ficam ainda por se saber onde estão. Não faço ideia por onde andarão.

    ResponderEliminar
  6. O Rui teve razão. Pode ser o João Paulo.
    Acho que esqueço o velho e a Monalisa e acredito no João Paulo.

    ResponderEliminar
  7. Se antes já estava com um nó na minha cabeça agora fiquei pior.
    Já não penso que a Monalisa seja a assassina.

    ResponderEliminar
  8. Ainda houve comédia na conversa com os dois amigos mas o mistério está a prevalecer.
    O Rui parece estar certo, vou para ele.

    ResponderEliminar
  9. Vou passar a pensar no João Paulo e parece ser o certo. Li o que o Rui escreveu.

    ResponderEliminar
  10. li o comentário do rui e ele parece ter acertado, fico com a ideia de que é o joão paulo.

    ResponderEliminar
  11. o rui deve ter razão.
    voto no joão paulo como culpado.

    ResponderEliminar
  12. Ou seja, agora tive a certeza que a Monalisa é vitima.
    É a única coisa que sei.
    O corpo da Raquel e do Simão ficam por descobrir.

    ResponderEliminar
  13. O Rui parece ter acertado. Li alguns capítulos anteriores e acho que sim, pode ser ele.
    Fico com ele no meu pensamento.

    Beijos :)

    ResponderEliminar
  14. Eu acredito no comentário do Rui e vou pensar no João Paulo. E aliás faz todo o sentido porque quando neste capítulo a Monalisa diz a ele que viu a tia dele, ele ficou transtornado.
    A Monalisa está sendo massacrada pelo espírito da Beatrice que quer matar o João Paulo pela sua morte. Acertei?!
    Posta logo.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  15. eu voto no João Paulo que o Rui achou.

    ResponderEliminar
  16. O Rui parece estar certo, voto no João Paulo e deixo a Monalisa e o velho.
    A Raquel deve estar em alguma cova por lá.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  17. O Rui achou o culpado para mim. O velho e a Monalisa pareciam muito fáceis.
    Voto nele.

    ResponderEliminar
  18. Lendo o comentário do Rui já tenho três suspeitos, mas com esse capítulo a Monalisa deixou de ser logo, só tenho dois: o velho e o João Paulo.

    ResponderEliminar
  19. Eu vou pensar no João Paulo e no velho.
    Não tinha pensado ainda nisso (no corpo da Raquel e do Simão). Eles morreram mas ninguém sabe de nada nem onde eles estão. Além disso, o João Paulo já foi à procura da Monalisa e entrou no local onde o Simão morreu e não viu nada. Isso leva a crer que o assassino é o João Paulo.
    Posta logo.

    Beijos,
    Juh :)

    ResponderEliminar
  20. Essa voz me deu medo o-o
    Todos estão contra o João agora... resta esperar para saber sdavagbah
    Posta logo, por favor!
    Beijos, capítulo maravilhoso.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário, a sua opinião é importante para o escritor.