sábado, 27 de maio de 2017

O final de um ano

Informações:
- Para o Desafio de Maio;
- Título: O final de um ano


13 de Maio de 2017

Lisboa, Portugal

Hoje é dia da Nossa Senhora de Fátima, a conhecida santa em Portugal (e que o Brasil conhece). Hoje completa-se cem anos das aparições de Fátima e Portugal recebe a visita do Papa Francisco. As minhas aulas também estão prestes a terminar e, em breve, voltarei para o Brasil. Não digo que não tenha saudades de regressar, mas gostei muito de viver em Portugal estes poucos anos para estudar (mesmo que estivesse mais interessada nas estações do ano, do friozinho que Portugal tem, do pouco calor insuportável que o país tem comparativamente ao Brasil).
Como sabes em cartas anteriores que te escrevi, Portugal está, neste momento, na primavera. Há uma semana tive que fazer um trabalho na faculdade sobre esta estação do ano (não me perguntes porquê). Sabes do que eu me lembrei?!
"Eu vejo as árvores verdes, rosas vermelhas também. Eu vejo-as florescer para mim e para ti. Eu vejo os céus tão azuis e as nuvens tão brancas. O brilho abençoado do dia e a escuridão sagrada da noite. As cores do arco-íris, tão bonitas no céu estão também nos rostos das pessoas. Vejo amigos apertando as mãos, dizendo: "Como vais?" quando realmente eles estão a dizer: "Eu amo-te". Eu ouço bebês a chorar, eu vejo-os crescer. Eles vão aprender muito mais que eu jamais vou saber.
E eu penso comigo, que mundo maravilhoso.
Sim, eu penso comigo, que mundo maravilhoso."
Alguma ideia do que eu escrevi?
É melhor responder agora antes que morras enquanto esperas pela minha resposta numa nova carta (que eu acho que não irei escrever porque em breve estarei no Brasil). Escrevi a tradução da letra da música de Louis Armstrong, "What A Wonderfull World". Sempre que eu penso na primavera, penso nesta música, logo foi a primeira ideia que eu tive e usei exatamente esta música no meu trabalho. Podia ter falado mal da primavera, como alguns colegas meus o fizeram, mas gosto da estação. Claro que é péssimo para quem tem as alergias primaveris por causa do pólen, mas eu não tenho razões de queixa da primavera.
Enfim... eu vou regressar ao Brasil em breve e, provavelmente, não terei tempo para te escrever mais. Comigo levarei algumas fotografias dos anos que passei em Portugal enquanto estive aqui a estudar. Talvez dentro de alguns anos possamos viajar as duas para este país maravilhoso.

Vemo-nos em breve, amiga.
A tua amiga brasileira descendente de portugueses,
Vanessa.

- Termina aqui o Desafio de Maio!
Em breve criarei um post com as quatro cartas que eu escrevi para este Desafio, tudo por ordem.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo comentário, a sua opinião é importante para o escritor.