AVISO...

Olá Pessoal!

Já avisei na Página do Facebook e decidi avisar no blogue também.

Na página Livros têm os links onde poderão comprar o livro "A Escola do Terror".


Aviso mais uma vez que tem alterações ao que está no blogue!


Obrigada.

sábado, 20 de setembro de 2014

Capítulo 7

Olá Pessoal!
Obrigada pelos comentários.
Quanto a novas histórias, as minhas parcerias estão-se a compor. Em breve vai haver mais novidades. Peço que aguardem.
Agora, fiquem com o capítulo 7.

Capítulo 7

A Teresa olhou para a o João e o Ivo que foram ter com elas.
- Outra vez aqui? – Perguntou Teresa a olhar para o João.
- Eu já tinha dito que trabalhava aqui. Tu realmente passaste no teste.
- Não devias ter suspeitado.
A Marcela falava com o Ivo calmamente e nem percebeu no clima sério que pairava entre a amiga e o João.
- Como te chamas? – Perguntou o João à Teresa.
- Ah, Teresa. Teresa Cristina. – Respondeu ela tentando não se enganar no nome – E tu?
- João Santos.
“João? Não acredito que ele é o João.” – Pensou a Teresa.
Eles dão um aperto de mão.
- Desculpa ter gritado contigo. Nós não nos conhecemos da melhor maneira. – Disse a Teresa tentando desculpar-se.
- Tudo bem. Vamos começar de novo.
A Marcela e o Ivo começam a olhar para a Teresa com o João.
- O teu irmão e a Teresa não se dão muito bem. – Disse a Marcela.
- Acho que aquilo é passageiro. Eles vão dar-se bem em breve.
- Eu vou lá ter com eles.
- Sim, vai. O César, quer dizer, o coordenador vem já chamar-nos.
O Ivo afasta-se e a Marcela vai ter com a amiga e com o João.
- Teresa, vem. O coordenador está a chamar-nos.
- Claro. Até já. Já falamos João.
O João fez um sinal de afirmação com a cabeça e as duas amigas encaminharam-se para a sala. O César, o coordenador, já estava à espera dos alunos do acampamento.
- Olá alunos! Olá novos artistas! Olá acampantes! Sei lá que saudações eu faço mas enfim…Olá a todos vocês! – Os alunos riram-se – Já viram que eu sou uma pessoa muito simpática mas também posso ser maldoso quando houver algum problema neste campo. Bem…Primeiro que tudo desejo-vos muito boa sorte e alegria neste acampamento. Eu quero apresentar-vos os vossos novos funcionários e professores que vos irão apresentar o mundo do espectáculo. Os panfletos que estão a receber são com o mapa do acampamento, contatos e mais algumas informações. Os vossos professores são os que estão aqui atrás de mim: O Mário – Aponta para o Mário - é o vosso professor de guitarra, o João – Aponta para o João – é o vosso professor de dança…
O César apresentou todos os professores e funcionários e no final apresentou uma pessoa conhecida da Teresa e da Marcela.
- Esta é a vossa professora de artes cénicas/artes do espectáculo, Vanessa – Apontou para a Vanessa – Agora, alunos, todos para os quartos neste momento. Descansem que em breve irá começar o início de tudo o que queriam.
A Teresa e a Marcela encaminharam-se para os seus quartos enquanto conversavam.
- A Van faz parte dos professores. Temos que lhe dizer quem somos porque ela se olhar para nós irá descobrir quem somos. – Disse a Marcela, atrapalhada.
- Calma, a minha irmã irá compreender se lhe contarmos. – Tranquilizou-a a Teresa.
- Sim, é só a Van.
A Marcela e a Teresa vão para o quarto e vêm que as duas raparigas colegas de quarto delas já tinham chegado.
- Olá meninas! Tudo bem? – Perguntou a Marcela.
- Sim e com vocês? – Perguntou uma delas.
- Também. – Respondeu a Teresa.
- Sou a Marcela Lima e ela é a minha amiga Teresa Cristina. Tratem-nos pelos primeiros nomes por favor. – Apresentou a Marcela.
- Eu sou a Vera e ela é a Luciana.
Elas ficaram a conversar até ao momento em que alguém bate à porta.
- Olá meninas! Sou o vosso professor de guitarra, o Mário. – Olhou para a Vera – Parabéns! Vejo que passaste.
A Vera sorriu.
- Obrigada.
- Bem, vim só dizer-vos que amanhã vai haver a despedida dos alunos antigos. E que devem todos ir ver. Vocês irão ver, certo?
- Claro, professor. – Respondeu a Marcela.
- Muito bem. Quero ver-vos a todas lá. – Virou-se para a Vera – Queres vir andar pelo campo comigo?
A Vera sorriu timidamente.
- Claro.
O Mário pegou na mão da Vera e foram-se embora do quarto. As outras raparigas falaram.
- A Vera já está a começar bem aqui no acampamento. - Comentou a Marcela.
As três raparigas riram-se.
O Mário e a Vera andaram longas horas pelo campo e conversaram muito. Era já quase de noite quando a a Vera regressou ao quarto.

Termina aqui.
O capítulo 8 vai ser postado daqui a uma semana.
Estão a notar algumas semelhanças com História de uma Adolescente? Preciso das vossas opiniões.

Boa leitura!

8 comentários:

  1. Esse César parece ser engraçado.
    Continua :)

    ResponderEliminar
  2. Achei esse capítulo muito engraçado.
    Continua!

    ResponderEliminar
  3. shii,ela descobriu.
    será que vai se afastar dele?

    ResponderEliminar
  4. Eu imagino a cara da Teresa/Maria a saber que andava a falar com o João.
    Posta logo.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. Eu quero ver a cara da Vanessa ao saber que são elas.
    Posta logo.

    ResponderEliminar
  6. Eu sabia que era o João.
    Posta logo.

    ResponderEliminar
  7. A Vanessa vai trabalhar no acampamento e elas vão ser descobertas!
    Adorei!
    Posta logo.

    Beijos,
    Juh :)

    ResponderEliminar
  8. Hahaha!Deve ter sido um choque saber que era com ele que ela falava.
    Posta logo.
    Beijos :)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário, a sua opinião é importante para o escritor.